Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

27 Agosto de 2019 | 17h41 - Actualizado em 27 Agosto de 2019 | 17h41

Burundi e RDC criam coligação de luta contra Ébola

Bujumbura - Seis províncias fronteiriças do Burundi e a província do Kivu do Sul, na República Democrática do Congo (RDC), decidiram criar uma coligação de luta contra a epidemia de Ébola que assola o leste da RDC há mais de um ano.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Dístico do vírus Ébola

Foto: Divulgação

Este anúncio foi feito em comunicado divulgado no termo de uma reunião realizada segunda-feira em Bujumbura entre os governadores das seis províncias burundesas (Bubanza, Cibitoke, Bujumbura-Rural, Bujumbura-Mairie, Rumonge e Makamba) e Theo Ngwabidje Kasi, governador da província do Kivu do Sul, recentemente afectada pela epidemia.

Partilhar planos de contingência, reunir os esforços de resposta ao Ébola e implantar mecanismos de controlo sanitário nos pontos de entrada não oficiais, figuram entre as acções identificadas para fazer face à epidemia.

A reunião aconteceu poucos dias após a descoberta do primeiro caso de Ébola na província do Kivu do Sul (leste da RDC).

Na ocasião, o governador da província congolesa apelou a um controlo rigoroso ao nível das fronteiras e a uma operação conjunta para travar esta epidemia.

"Reuniões regulares serão realizadas ao longo de um período de seis meses entre os governadores", indica o comunicado final do encontro.

Fronteiriço com a RDC, o Burundi enfrenta o risco eminente de ver a epidemia do Ébola a atingir o seu território.

Assuntos Burundi   RDCongo  

Leia também
  • 26/08/2019 16:31:33

    Anunciada composição do novo Governo na RDC

    Kinshasa - O primeiro-ministro da República Democrática do Congo (RDC), Sylvestre Ilunga Ilunkamba, revelou hoje (segunda-feira) os nomes do seu Executivo composto por 66 elementos, sete meses após a tomada de posse do presidente Félix Tshisekedi, noticiou a RFI.

  • 23/08/2019 11:51:12

    RDC: Governo declara gratuidade do ensino primário a partir de Setembro

    Kinshasa - O ensino primário nas escolas públicas congolesas vai ser gratuito a partir 02 de Setembro próximo, inicio do ano lectivo 2019-2020, anunciou quinta-feira, em Kinshasa, o ministro interino do ensino primário, secundário e profissional, Emery Okunji.

  • 22/08/2019 12:28:03

    RDC: Próxima visita de António Guterres ao Kivu-Norte

    Goma (RDC) - O secretário-geral da ONU, António Guterres, efectua, a partir de sábado próximo, uma visita de trabalho de três dias ao Kivu-Norte, Leste da RDC, com o intuito de se encontrar com alguns sobreviventes da epidemia do Ebola.