Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ambiente

13 Março de 2018 | 11h18 - Actualizado em 13 Março de 2018 | 11h16

Chuva aumenta ravinas em estradas em Cabinda

Cabinda - Dezoito ravinas, provocadas pela chuva intensa, foram identificadas ao longo de estradas da província de Cabinda - anunciou hoje à Angop o director provincial do Instituto Nacional de Estradas (INEA), Igor Filipe Ferreira.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Uma estrada em reparação no perímetro geográfico de Cacongo, Cabinda

Foto: Pedro João

As ravinas, identificadas por um levantamento conjunto entre o INEA e engenheiros da Secretaria Provincial das Obras Públicas de Cabinda, surgiram nos  troços do municipios de Buco Zau, comuna de Necuto, Cacongo, Pove, Dinge-Necuto e na capital de Cabinda na estrada entre a fronteira do Yema e Nbuco-Sbatando-Susso-S.José Ncongo-Chimduandi-Buco-Ngoio-Tali Sumbi e Ncaca. 

Igor Ferreira adiantou que o resultado do levantamento foi remetido ao Fundo Rodoviário, para criar os mecanismos de combate às ravinas.

Disse, por outro lado, que entre 2016 e 2017, das doze ravinas identificadas, foram estancadas a progressão de sete, com realce para as do troço Buco-Zau/Necuto, Dinge/Necuto, Dinge/Buco Zau e na aldeia de Tando Hiundo, a cinco quilómetros da vila de Buco-Zau, assim como as do Morro do Tchizo e do Caio litoral, esta última põe em risco o laboratório de analises das espécies marinhas.
 

Nos últimos tempos, há registo em Angola do surgimento de grandes ravinas, com maior incidência nas localidades do leste.

Leia também