Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

08 Julho de 2020 | 17h58 - Actualizado em 08 Julho de 2020 | 19h07

Basquetebol: Jean Jacques aposta no resgate

Luanda - O antigo internacional angolano Jean Jacques da Conceição pretende resgatar a mística do basquetebol angolano, caso seja eleito presidente da federação angolana da modalidade, em Setembro deste ano.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Jean Jaques da Conceição, candidato a presidência da Federação Angolana de Basquetebol

Foto: Marcelino Camões

Falando hoje, em Luanda, em conferência de imprensa de apresentação oficial da sua candidatura ao cadeirão máximo da FAB, para o ciclo olímpico 2020/2024, o único africano a fazer parte do hall da fama da FIBA disse que o objectivo é voltar aos tempos dos triunfos e da disciplina financeira do país.

Admitiu não ser tarefa fácil, pelo que vai contar com o contributo de todos para a concretização dos objectivos traçados.

“Não se admite ver antigos praticantes, que deram o seu sangue em prol do basquetebol, totalmente desinteressados com a modalidade. Não vão aos pavilhões, muito menos querem ouvir falar desta disciplina, que já deu 11 títulos africanos ao país. Não podemos deixar a situação continuar assim, vamos resgatar os valores perdidos”, enfatizou o antigo poste.    

Para tal, Jean Jacques da Conceição, que já passou pelo órgão reitor da modalidade em Angola como vice-presidente, no consulado de Gustavo da Conceição,  disse que estará aberto a outras ideias, desde que sejam positivas, para voltar a colocar Angola ao mais alto nível.

Em 2012, o sete vezes campeão africano pela selecção nacional desistiu, à última hora, de se candidatar à presidência da Federação Angolana de Basquetebol, acabando por integrar a lista de António Henriques na luta pelo cadeirão da FAB.

Como atleta, Jean Jacques da Conceição representou o 1º de Agosto (Angola), Sport Lisboa e Benfica (Portugal), Limoges da França, Unicaja da Espanha, Portugal Telecom, clubes com os quais conquistou vários títulos, entre campeonatos e taças.

O seu elenco para a presidência da FAB conta com quatro vice-presidentes, nomeadamente Heldebrando Teixeira, António Agostinho Aragão, Weza Fortunato e Laura Agostinho, tendo como secretário-geral José Domingos.

A Mesa da Assembleia Geral será presidida por Carlos Alberto Masseca e o Conselho Fiscal e o Conselho Jurisdicional liderados por António Pires Ferreira e Sebastião Fernandes, respectivamente.

A presidência da FAB tem três outros aspirantes, nomeadamente José Moniz da Silva, antigo vice-presidente para o basquetebol do 1º de Agosto, Manuel Moreira, ex-dirigente do Progresso Associação Sambizanga, e Manuel Docas, presidente da Associação de Basquetebol de Benguela.

Depois da crise directiva que se instalou na FAB, que culminou com a demissão do então presidente de direcção, Hélder Martins da Cruz “Maneda”, os amantes da modalidade esperam que o próximo gestor do órgão seja alguém capaz de reorganizar a federação em quatro anos.

Uma Comissão de Gestão “ad hoc”, coordenada por Gustavo da Conceição, dirige actualmente a federação e tem a missão de preparar o processo eleitoral e realizar o pleito dentro dos prazos estabelecidos pelo Ministério da Juventude e Desportos (MINJUD).

De acordo com uma directriz deste organismo que tutela o desporto em Angola, as federações nacionais devem efectuar os pleitos eleitorais até finais de Setembro do corrente ano.

Assuntos Basquetebol  

Leia também
  • 04/07/2020 13:32:17

    Anselmo Monteiro lidera basquetebol no Petro

    Luanda - A entrada de Anselmo Monteiro como vice-presidente para o basquetebol, em substituição de Artur Barros, constitui o destaque da futura direcção do Petro de Luanda para o quadriénio 2020/24.

  • 01/07/2020 05:14:43

    Angolano protagoniza 2º melhor "Smash" da década

    Luanda - O angolano Carlos Morais classificou-se na segunda posição do concurso de melhor "Smash" da década 2010/2020, organizado pela Federação Internacional de Basquetebol (FIBA).

  • 28/06/2020 01:51:19

    Basquetebol: Adingono pode deixar Petro

    Luanda - O camaronês Lazare Adingono pode deixar de ser treinador da equipa de basquetebol do Petro de Luanda caso se mantenha o diferendo entre as partes, com o técnico a "exigir" a renovação do contrato por duas épocas, enquanto o clube propõe apenas uma.