Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

23 Outubro de 2019 | 00h09 - Actualizado em 24 Outubro de 2019 | 10h16

Desmantelamento das tarifas aduaneiras previstas para este ano

Luanda - O ministro do Comércio, Joffre Van-Dúnem, informou terça-feira que Angola fará, ainda no decurso deste ano, a oferta tarifária aos demais Estados-Membros da SADC, no quadro da adesão à Zona de Comércio Livre do bloco regional.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ministro do Comércio, Jofre Van-Dúnem Júnior

Foto: Pedro Parente

Segundo o governante, que falava ao programa “Grande Entrevista” da Televisão Pública de Angola (TPA), o processo de desmantelamento tarifário prevê a protecção de determinados produtos considerados fundamentais e levará cinco a 10 anos até à conclusão.

Joffre Van-Dúnem afirmou que, a partir da nova pauta, Angola iniciará as discussões reais para a sua adesão definitiva à Zona de Comércio Livre da SADC.  

Fez saber que a adesão à Zona de Comércio Livre da SADC e à Continental Africana, à qual Angola já aderiu, constitui uma oportunidade para todos os empreendedores.

O país poderá, brevemente, depositar os seus instrumentos de ratificação do Acordo da Zona de Comércio Livre Continental Africana (ZCLCA) na União Europeia (EU).

De acordo com o governante, tecnicamente o dossiê está pronto, mas precisa da aprovação do Conselho de Ministros e a ratificação da Assembleia Nacional para o efeito.

Na sua visão, temos de ser competitivos tanto em preços como em qualidade, para que os produtos considerados fundamentais possam ser vendidos nos países limítrofes.

Fez saber, igualmente, que o sector do Comércio angolano conta com o apoio financeiro de 12 milhões de euros, para ajudar o país a acelerar a actividade comercial e a incentivar o investimento das pequenas e médias empresas, numa acção da UE.

De acordo com o ministro, este financiamento vai permitir atracção do investimento privado no país.

Leia também
  • 23/10/2019 00:03:59

    Comércio considera ilegais exportações pelas fronteiras terrestres

    Luanda -As exportações de produtos pelas fronteiras terrestres do País são feitas à margem da Lei, porque os procedimentos não entram nas estatísticas do sector do comércio, admitiu nesta terça-feira, em Luanda, ministro angolano do Comércio, Joffre Van-Dúnem Júnior.

  • 22/10/2019 23:43:45

    Contribuintes devem retirar dos preços impostos de consumo e selo

    Luanda - O ministro do Comércio, Joffre Van-dunem, afirmou hoje, em Luanda, que os contribuintes aderentes e os que não aderiram ao Imposto Sobre o Valor Acrescentado (IVA), em vigor desde o dia 01 deste mês, devem retirar dos preços dos seus produtos o imposto de consumo e de selo.

  • 21/10/2019 17:05:19

    Comércio defende parceria para escoamento de produtos

    Luanda - O secretário de Estado do Comércio, Amadeu Nunes, defendeu hoje a existência de uma parceria cidade-campo, para dar resposta aos problemas ligados ao escoamento da produção interna e valorizar as culturas e produtos locais.