Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

22 Novembro de 2018 | 18h36 - Actualizado em 22 Novembro de 2018 | 18h36

Vinte mil alunos serão admitidos nas escolas de Luanda

Luanda - Vinte mil novos alunos poderão ingressar nas escolas de base do ensino geral da província de Luanda, no ano lectivo de 2019.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Vinte mil alunos serão admitidos nas escolas de Luanda em 2019

Foto: Pedro Parente

O anúncio foi feito, nesta quinta-feira, na capital do país, pelo vice-governador provincial para o sector Técnico e Infra-estruturas de Luanda, José Cai, quando intervinha no acto do 22 de Novembro, Dia Nacional do Educador, que decorre sob o lema “ O direito à educação é também o direito a um professor qualificado”.

O responsável disse que esforços estão a ser desenvolvidos no sentido de construir-se mais escolas para serem inseridas no sistema de ensino um maior número de crianças.

Reconheceu que muitas das instituições académicas de Luanda tem problemas, como falta de equipamento escolar e difícil acesso, situação que dificulta a actividade educativa dos professores.

Solicitou aos professores no sentido envolverem-se nos programas de resgate dos valores morais e cívicos, bem como na moralização da sociedade.

Por seu turno, o director do Gabinete de Educação da Província de Luanda, Narciso Benedito, deu a conhecer que vão surgir novas escolas do ensino primário e secundário nos municípios do Belas, Cazenga e Viana.

O surgimento das novas infra-estruturas, ressaltou, vai permitir o ingresso de 15 a 20 mil alunos.

A actividade foi marcada com a entrega de diplomas de mérito aos professores que na década de 1980 deram o seu contributo para o desenvolvimento do ensino na província de Luanda.

O Dia Nacional do Educador começou a ser celebrado quando a 22 de Novembro de 1976, numa visita a fábrica têxtil Textang II, o primeiro Presidente da República de Angola, António Agostinho Neto, declarou “guerra” ao analfabetismo.

Assuntos Educação  

Leia também
  • 05/02/2019 17:09:10

    Governo da Sul prioriza conclusão de escolas e unidades sanitárias

    Saurimo - O governo da Lunda Sul priorizar a conclusão, no primeiro trimestre deste ano, das obras de infra-estruturas escolares e sanitárias, com vista a reduzir a superlotação nas salas de aula e desafogar os hospitais.

  • 05/02/2019 12:12:29

    Mil e 500 alunos de Quipungo em novas salas de aula

    Quipungo - Mil e 500 alunos começaram, nesta terça-feira, a estudar em condições mais cômodas, no município de Quipungo, com a inauguração, na segunda-feira, de 15 novas salas de aula.

  • 01/02/2019 16:54:24

    Magistério primário introduz curso de ensino pré-escolar

    Mbanza Kongo - A escola de magistério primário "Daniel Mvemba", no município de Mbanza Kongo, província do Zaire, vai neste ano lectivo contar, no seu plano curricular, com o curso de ensino pré-escolar, informou hoje, sexta-feira, o seu director, Mbalu Lukaya.

  • 01/02/2019 15:28:28

    Mediateca abre curso tecnológico para professores

    Huambo - Um curso tecnológico para professores começa a ser ministrado este mês na Mediateca da província do Huambo, com propósito de promover a literacia tecnológica dos educadores.