Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

11 Maio de 2018 | 12h35 - Actualizado em 11 Maio de 2018 | 12h23

Universitários aconselhados a encarar com optimismo os desafios do país

Malanje - O director do Instituto Superior Politécnico Dom Alexandre Cardeal do Nascimento, Amadeu Barros, aconselhou hoje, sexta-feira, os estudantes universitários a contribuírem, com o seu saber, no desenvolvimento da província e a encararem com bastante optimismo e responsabilidade os desafios do futuro do país.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O académico, que falava numa palestra sobre "A juventude e os desafios do ensino superior em Angola, no quadro do XV encontro Nacional das Escolas Católicas de Angola", explicou que o Executivo Angolano deve dialogar e clarificar com a juventude universitária sobre às políticas públicas em vigor no país, com vista a receber contribuições.

Desta forma, disse que as universidades têm uma grande responsabilidade social pela frente, razão pela qual os seus cursos devem estar ligados a realidade da comunidade urbana, rural e do mercado.

Por outro lado, o prelector fez saber que os principais desafios do ensino superior em Angola estão virados na avaliação dos estudantes e na gestão da qualidade das instituições.

Exortou os responsáveis das escolas católicas, no sentido de criarem nas suas instituições, salas de consulta de psicologia educacional, com vista a ajudar os estudantes que necessitam de aconselhamento.

Participam no encontro com duração de 5 dias mais de 50 delegados, entre arcebispos, bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST), padres, directores e professores de escolas católicas das 18 províncias do país.

Durante cinco dias, os participantes vão abordar temas como "Os efeitos da globalização no ensino", "Situação da educação-qualidade do ensino em Malanje/Angola", "Contribuições das missões católicas para o humanismo solidário" e "A juventude e os desafios do ensino superior em Angola". 

A Igreja Católica controla no país cerca de 400 escolas do I e II ciclo do ensino secundário, bem como uma universidade.

Leia também
  • 10/05/2018 17:36:27

    Universidade Kimpa Vita promove conferência sobre Biodiversidade

    Uíge - A Universidade Kimpa Vita (UNIKIV), em parceria com o Governo da Província do Uíge, vai realizar nos dias 20 a 21 de Setembro deste o ano a 2ª Conferência Nacional sobre a Biodiversidade.

  • 10/05/2018 15:51:57

    Realçada importância da Educação no desenvolvimento do país

    Luanda - O sector da Educação constitui um dos principais factores para o desenvolvimento sustentável do país considerou hoje, quinta-feira, em Luanda, o ministro das Finanças, Archer Mangueira.

  • 09/05/2018 21:30:45

    Recomendada envolvência de empresas no processo do ensino

    Luanda - O envolvimento de empresas dos sectores público e privado no processo do Ensino Técnico Profissional para garantir estágios profissionais, promover o empreendedorismo e a empregabilidade formam, dentre outras, recomendações deixadas hoje (quarta-feira), em Luanda, pelos participantes ao Conselho Nacional da Educação/2018.