Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

11 Julho de 2018 | 13h02 - Actualizado em 11 Julho de 2018 | 13h02

Irmã Bela Makaya quer mais espaço para cantores de música gospel

Luanda - A Irmã Bela Makaya disse hoje, quarta-feira, em Luanda, pretender mais espaços e oportunidades para os cantores do estilo gospel apresentarem, promoverem e divulgarem as suas obra.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

irmã Bela Makaya - cantora gospel

Foto: Clemente

Em declarações à Angop, a propósito do actual estado da música gospel no país, a Irmã Bela Makaya reconheceu que o movimento está a crescer, embora carece de mais oportunidades e espaços para os cantores, principalmente os novos talentos, mostrarem as suas criações.

Segundo a cantora, o estilo  gospel, comparativamente aos outros géneros musicais, tem  tido menos oportunidades, situação que desmotiva a classe.

Apelou, por isso, aos empresários e agentes artísticos a apostarem mais neste estilo musical, por ajudar as pessoas a reforçarem a sua fé, transmite valores, entre outras mensagens positivas.

Informou, por outro lado, que vai efectuar o  lançamento do seu segundo disco intitulado “Nzola”, ainda este ano.

Este CD, destacou, conta com a participação do músico Guy Destino, além de outros cantores do estilo gospel.

A cantora, que nasceu na província do Uíge, começou a cantar em coros da Igreja Católica, mas foi há dez anos, na Igreja Petencostal, que iniciou a carreira a solo.

Lançou o seu primeiro álbum, intitulado “Paz em Angola”, em 2013.

Entre os seus maiores sucessos realçam-se os temas “Abraço o seu Coração”, “Nada Temerei”, “Jeová”, “Adoração”, “Mateus 7.7”, “O Mundo Passará” e “Paz em Angola”.

Assuntos Música  

Leia também
  • 30/01/2019 17:20:42

    Ndaka Yo Wini representa Angola no Festival Internacional de Jazz

    Luanda - O músico, compositor e investigador cultural, Ndaka Yo Wini, vai representar Angola no Festival Internacional de Jazz na África do Sul, a decorrer nos dias 29 a 30 de Março deste ano na Cidade do Cabo.

  • 10/01/2019 11:19:12

    Huíla sem salas para actividades culturais

    Lubango - Artistas huilanos reclamam pela falta de espaço apropriado para actividades culturais ( espectáculos musicais e exibição de peças teatrais), para que possam levar ao público consumidor o resultado das suas criações artísticas.

  • 17/12/2018 15:14:36

    Coro Cristo Rei estreia-se com obra "Na Escola do Evangelho"

    Uíge - O grupo coral Cristo Rei, da Igreja Evangélica Reformada de Angola (IERA), colocou no mercado, na província do Uíge, a sua primeira obra discográfica intitulada "Na Escola do Evangelho".

  • 07/12/2018 23:16:41

    Waldemar Bastos proporciona momentos de grandes interpretações ao público

    Luanda - O primeiro dos dois dias de actuação do ícone da música angolana Waldemar Bastos nos palcos do show do mês demonstrou a emoção da mestria da forte veia do Intérprete, compositor e cantor numa atmosfera totalmente acústica.