Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

07 Fevereiro de 2017 | 13h50 - Actualizado em 07 Fevereiro de 2017 | 13h49

Bié: FNLA satisfeita com Registo Eleitoral

Cuito - O secretário da FNLA, no Bié, Agostinho Eduardo, considerou hoje, terça-feira, de satisfatório como decorre o processo do Registo Eleitoral na província, essencialmente com a utilização dos meios aéreos para as localidades de difícil acesso.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

BIÉ: AGOSTINHO EDUARDO - SECRETARIO PROVINCIAL DA FNLA

Foto: LEONARDO CASTRO

Em declarações à Angop, o político mostrou-se satisfeito pela forma como está a decorrer o Registo Eleitoral, tendo destacado o uso dos meios aéreos para as zonas de difícil acesso, associada a adesão dos cidadãos aos postos de cadastramento.

O político enalteceu ainda o desempenho dos fiscais eleitorais afectos a FNLA, sublinhando a organização partidária dispõe de 80 fiscais, que trabalham junto das brigadas do registo eleitoral.

Solicitou ainda os cidadãos em idade de votar, a irem ao cadastramento, de modo a estarem habilitados nas Eleições Gerais, marcadas para Agosto de 2017.

O sector dos registos no Bié conta com 280 brigadistas e 20 agentes de educação cívica. Actualmente foram já registados 417 mil eleitores na província, dos 600 mil previstos.

A província do Bié, oitava maior de Angola, situa-se no centro do país, com uma superfície de 70.314 quilómetros quadrados, faz fronteiras com as províncias de Malange (Norte), Lunda Sul (Nordeste), Moxico (Leste), Cuando Cubango (Sul), Huila (Sudoeste), Huambo (Oeste) e Cuanza Sul (Noroeste).

Possui nove municípios e 30 comunas e um milhão e 455 mil habitantes, maioritariamente camponesa.

Assuntos FNLA   Província » Bié  

Leia também
  • 23/03/2018 17:09:38

    Mais de três mil desmobilizados recebem subsídios no Cuito

    Cuito - Três mil e 256 ex-militares das Forças Armadas Popular de Libertação de Angola (FAPLA) e ex-guerrilheiros da Unita, nos postos de soldados e sargentos confinados na região do Bié, começaram hoje, sexta-feira, na cidade do Cuito, a receber os seus subsídios de desmobilização, num processo levado a cabo pelo Distrito de Recrutamento Militar (DRM).

  • 21/03/2018 19:02:26

    Centro de Cacuso inicia formação de polícias

    Malanje - Quinhentos ex-desmobilizados das Forças Armadas Angolanas (FAA) serão formados, a partir de Abril próximo, no Centro de Formação Básica Regional Norte da Polícia Nacional, localizado no município de Cacuso, com vista a ingressar na corporação, no âmbito do arranque do processo instrutivo do referido centro.

  • 20/03/2018 18:45:24

    Comandante apela combate cerrado à imigração ilegal

    Mbanza Kongo - O comandante provincial do Zaire da Polícia Nacional, Manuel Gouveia, recomendou hoje, terça-feira, em Mbanza Kongo, um combate cerrado à entrada ilegal de estrangeiros no território nacional.

  • 16/03/2018 18:47:46

    UNITA quer diálogo aberto com as comunidades

    Saurimo - A UNITA pretende manter um diálogo permanente com as comunidades, para dar a conhecer os seus programas que visam a melhoria das condições de vida das populações, disse hoje, sexta-feira, o secretário-geral do partido, Marcolino Nhany.