Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

16 Junho de 2017 | 12h18 - Actualizado em 16 Junho de 2017 | 19h57

Angola: MPLA apresenta programa de governo aos comités de especialidade

Luanda - Mais de mil membros dos comités de especialidades do MPLA, em Luanda, participam hoje, sexta-feira, numa conferência sobre o programa de governo e o manifesto eleitoral do partido para 2017 a 2022.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

MPLA apresenta programa de governação e manifesto eleitoral aos membros dos comités de especialidades

Foto: Cortesia de Osvaldo Abreu

MPLA apresenta programa de governação e manifesto eleitoral aos comités de especialidades

Foto: Cortesia de Osvaldo Abreu

Numa iniciativa do Comité Provincial do MPLA de Luanda, a conferência é orientada pelo segundo secretário, Mário Pinto de Andrade, em representação do primeiro secretário provincial, Higino Carneiro.

O encontro tem a duração de um dia e aborda temas como "promover o desenvolvimento humano e bem-estar dos angolanos, o desenvolvimento com inclusão económica/social e a redução das desigualdades".

Aborda também os temas "Consolidar a paz, reforçar a democracia, a cidadania e a sociedade civil; estimular a valorização do capital humano e a promoção do emprego qualificado e remunerador".

A conferência agrega membros dos comités de especialidades dos Economistas, Empresários e Instituições Não Financeiras, dos Ecologistas, dos Psicólogos e Sociólogos, dos Juristas, dos Arquitectos, das Relações Internacionais e Ciências Políticas.

A reunião tem como oradores os membros dos respectivos comités Piedade Junior, Aguinaldo Jaime, Fátima Jardim, Isaac Neto, Tito Cambanje, Manuel Nzangui, Moisés dos Santos e Eugénio Laborinho.

Membros dos comités dos jornalistas e oncologistas também fazem parte do evento.

Assuntos Angola   Eleições   MPLA   Política  

Leia também