Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

14 Junho de 2018 | 17h56 - Actualizado em 14 Junho de 2018 | 17h56

Agentes administrativos devem sensibilizar os cidadãos sobre as autarquias

Mbanza Kongo - Os agentes administrativos devem ser os principais actores na sensibilização dos cidadãos para a sua participação massiva nas próximas eleições autárquicas previstas para 2020, disse hoje, quinta-feira, em Mbanza Kongo, o governador provincial do Zaire, José Joanes André.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: Governador, José Joanes André

Foto: Pedro Moniz Vidal

O governador teceu tais declarações na cerimónia de tomada de posse de novos administradores municipais adjuntos para a área financeira e orçamento dos municípios de Mbanza Kongo, Soyo, Nzeto, Tomboco e Nóqui.

De acordo com o governador, os membros das administrações municipais devem desempenhar um papel activo nas acções de esclarecimento dos munícipes sobre a actual fase de discussão dos critérios para a implementação das futuras autarquias locais.

“O país encontra-se na fase de discussão sobre os critérios para a implementação das autarquias locais, os agentes administrativos devem começar a incutir aos munícipes noções que têm a ver com esse processo, pois serão eles os principais contribuintes fiscais”, vincou.

Para o efeito, recomendou aos novos administradores municipais adjuntos a trabalharem em colaboração com o gabinete provincial do ambiente com vista a traçar estratégias que visam encontrar mecanismos para a arrecadação de receitas fiscais para o sustento das autarquias locais.

A participação dos grandes contribuintes no processo de recolha e tratamento de resíduos sólidos com realce para as cidades de Mbanza Kongo e do Soyo foi também uma das orientações baixadas pelo governador aos novos responsáveis das administrações municipais.

  

Leia também
  • 30/01/2019 18:32:34

    SME recolhe estrangeiros em situação migratória ilegal

    Soyo - Duzentos e treze cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), que viviam ilegalmente no município do Soyo, província do Zaire, foram recolhidos e repatriados hoje, quarta-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na região.

  • 29/01/2019 17:16:49

    SME expulsa estrangeiros por irregularidades migratórias

    Mbanza Kongo - Cinquenta e nove cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) foram expulsos nesta segunda-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire, por entrada ilegal no território nacional.

  • 23/01/2019 11:00:44

    Polícia detém 289 violadores de fronteira

    Mbanza Kongo - A Polícia de Guarda Fronteira (PGF) na província do Zaire deteve, nos últimos sete dias, 289 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) por tentativa de violação do perímetro fronteiriço que separa esta parcela do território nacional da região do Congo Central.

  • 22/01/2019 12:04:56

    Dirigente quer mais capacidade de liderança dos militantes

    Mbanza Kongo - Maior capacidade de liderança e espírito de missão recomenda-se aos militantes do Mpla no município de Mbanza Kongo, província do Zaire, para garantir a vitória do partido nas próximas eleições autárquicas, marcadas para 2020.