Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

12 Julho de 2018 | 06h37 - Actualizado em 12 Julho de 2018 | 08h46

Criminalidade em Angola está controlada - diz ministro

Luanda - O ministro do Interior, Ângelo da Veiga Tavares, tranquilizou nesta quarta-feira, os cidadãos que a criminalidade em Angola está sob controlo, não obstante alguns focos que vêm ocorrendo um pouco pelo país, mas que prontamente têm sido esclarecidos pelos Serviços de Investigação Criminal (SIC), sobretudo os mais mediáticos dos últimos tempos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ângelo Veiga, Ministério do Interior (Arquivo)

Foto: Joaquina Bento

Segundo uma nota de imprensa, a que a Angop teve hoje acesso, o governante fez esta afirmação na cidade do Cairo, à margem de uma visita de trabalho de três dias iniciada nesta segunda-feira, a convite do seu homólogo egípcio Mahmoud Tawfiq, que visa o estreitamento dos laços históricos e de consultas contínuas entre os pelouros dos dois países.

De acordo com o programa de visitas, o ministro Ângelo da Veiga Tavares, manteve um encontro de trabalho com o seu homólogo egípcio, que dentre vários assuntos decidiram em trabalharem, no sentido de criarem condições para que a breve trecho, seja rubricado um acordo de cooperação entre os Ministérios do Interior dos dois países.

A formação de quadros angolanos do sector, no Egipto, a troca de experiências em matérias de segurança, de combate ao terrorismo, o reforço dos canais e mecanismos de comunicação e de intercâmbio de informações, mereceram igualmente abordagem das duas entidades.

Ângelo da Veiga Tavares e Mahmoud Tawfiq, analisaram ainda os últimos desenvolvimentos regionais, o impacto actual de alguns dos conflitos com carga ideológica no Médio Oriente e no continente africano, que exigem esforços internacionais concertados para conter estes negativos fenómenos.

Integram a comitiva angolana que termina visita nesta quinta-feira, o 2º Comandante-geral da Polícia Nacional, Salvador José Rodrigues, os directores dos Serviços de Investigação Criminal, Eugénio Alexandre, de Migração e Estrangeiros, Gil Famoso, de Intercâmbio Internacional, Jorge Dembi, entre outros oficiais, que no Egipto visitaram, o Instituto de Formação da Protecção Civil, a Academia de Formação da Polícia, a sede do Departamento de Investigação Criminal e o seu Laboratório, assim como a Missão Diplomática de Angola sedeada no Cairo.

Leia também
  • 06/07/2018 16:01:46

    Justiça e Interior assinam protocolo sobre direitos humanos

    Luanda - Um protocolo de cooperação para a formação de quadros da Polícia Nacional, no domínio dos direitos humanos, foi rubricado nesta sexta-feira, em Luanda, entre os ministérios da Justiça e dos Direitos Humanos e do Interior.

  • 23/06/2018 19:50:06

    Criminalidade sobe para 35 porcento em Luanda

    Luanda - Pelo menos 5,4 crimes por dia em cada município são registados só em Luanda pela Polícia Nacional, cifra alta em relação às outras províncias do país que apresentam número mais baixo (1%).

  • 23/06/2018 16:54:02

    Mais de 100 polícias morrem em confronto com marginais

    Luanda - Cento e três polícias dos quais 71 em acções de confronto com marginais perderam a vida de 2013 ao primeiro trimestre de 2018, anunciou neste sábado o ministro do Interior, Ângelo da Veiga Tavares.