Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

12 Fevereiro de 2019 | 19h15 - Actualizado em 12 Fevereiro de 2019 | 20h48

Ex-governador de Luanda constituído arguido

Luanda - O ex-governador de Luanda e deputado, Higino Carneiro, foi constituído arguido nesta terça-feira, pela Direcção Nacional de Investigação e Acção Penal (DNIAP), órgão tutelado pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ex-governador de Luanda, Higino Carneiro à saída da DNIAP

Foto: Yambeno Daniel

Higino Carneiro foi constituído arguido, após oito horas de interrogatório, por actos decorrentes da sua gestão, quando exerceu o cargo de governador de Luanda no período 2016/2017. 

À saída da DNIAP, acompanhado do seu advogado, José Carlos Miguel, o ex-governador não prestou declarações à imprensa.

Entretanto, o advogado José Carlos negou que o seu cliente esteja a ser acusado de desvio de fundos (peculato).

"Não ouvi falar em desvio de fundos", afirmou o advogado que não aceitou falar de factos relativos ao objecto do processo por estar na fase de instrução preparatória.

Sobre o elevado tempo que durou o interrogatório (oito horas), José Carlos disse que foi necessário para se esclarecer todos os assuntos (que não avançou), em função do conjunto de perguntas feitas (…).

Com base no segredo de justiça, o interrogatório decorreu à porta-fechada.

Assuntos Angola   Justiça   PGR  

Leia também
  • 13/02/2019 03:51:27

    Síntese das principais notícias das últimas 24 horas

    Luanda - Agência Angola Press, Angop E.P, incluiu na sua emissão das últimas 24 horas, entre outros, os seguintes assuntos:

  • 12/02/2019 20:29:22

    PR exonera secretário de Estado dos Petróleos

    Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, exonerou nesta terça-feira Paulino Fernando de Carvalho Jerónimo, do cargo de secretário de Estado dos Petróleos e, em substituição, nomeou José Alexandre Barroso.

  • 12/02/2019 19:53:44

    Gestor do Ondjango Yeto confrontado com carta enviada ao PR

    Luanda - O gestor do projecto Ondjango Yetu (afecto as FAA) foi confrontado hoje, pelo Tribunal Supremo, com uma missiva que endereçou ao Presidente da República para viabilizar os projectos de investimentos que seriam financiados pela Centennial Energy Company Limited, no valor de USD 50 mil milhões.