Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

17 Setembro de 2019 | 13h41 - Actualizado em 17 Setembro de 2019 | 22h22

Governo reafirma aposta no desenvolvimento

Chibia - A ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, afirmou nesta terça-feira, no município da Chibia, província da Huíla, que o alcance do desenvolvimento sustentável é a meta do Executivo e, para a sua concretização, precisa-se da força da juventude.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Huíla: Carolina Cerqueira - ministra de estado para Área Social

Foto: morais silva

Ao discursar no acto central alusivo ao Dia do Herói Nacional (17 de Setembro), em representação do Chefe de Estado, João Lourenço, admitiu que, apesar de algumas dificuldades, o executivo continua a apostar no desenvolvimento humano e em infra-estruturas.

A ministra considerou necessário reduzir as assimetrias regionais para assegurar o desenvolvimento sustentável e salvaguardar as espectativas dos angolanos, daí o lema das celebrações "Unidade no Resgate dos Valores da Pátria".

Carolina Cerqueira apontou igualmente a necessidade de resgatar os valores morais, uma vez que muitos cidadãos estão habituados a práticas contrárias à moral.

Disse haver no país registo de atentados contra a ética, que põem em causa o bem-estar das pessoas.

Para si, falar do resgate dos valores morais é uma maneira de recordar Neto e as tradições angolanas, mas também de olhar para o patriotismo, sentimento que deve ser incutido de tenra idade e reforçado na adolescência.

"Vivemos momentos de imensos desafios, mas precisamos ter coragem e continuar a acreditar. Esse sonho de Neto tem pouco mais de 40 anos e mantem-se actual. É preciso que haja melhoria na saúde e se melhore o índice de desenvolvimento humano, em que a educação e a saúde tenham de ser mais inclusivas", prosseguiu.

Carolina Cerqueira avançou que resolver os problemas do povo é também combater a pobreza, o que deve ser feito de forma integrada e sustentada, não apenas no sentido de fazer assistência, pelo que é necessário ajudar as famílias a adquirirem conhecimentos que garantam a sua auto-sustentabilidade.

“A agricultura deve voltar a ser a base do desenvolvimento do país. Investir nela implica apostar na transformação e escoamento da produção, pois o investimento na agricultura constitui um incentivo à criação de empregos e a Huíla tem grande potencial agro-pecuário e pode ajudar a diminuir a pressão demográfica doutras regiões do país", disse.

Apelou para a necessidade de os angolanos estarem mais unidos e focados nos objectivos a atingir, pois os princípios da boa governação requerem uma proximidade permanente entre os governados e os governantes.

O município da Chibia situa-se a 42 quilómetros a sul do Lubango e conta com uma população composta por 181 mil e 431 habitantes, que tem na agricultura e pecuária as suas principais formas de subsistência.

Ao anteceder o acto, a ministra depositou uma coroa de flores ao túmulo do soldado desconhecido, no cemitério da Chibia, inauguro uma escola com dez salas de aula e visitou uma feira de produtos agrícolas.

A efeméride, instituída feriado nacional em 1980, pela então Assembleia do Povo, deve-se ao contributo deste nacionalista na luta armada contra o colonialismo português e pela conquista da independência nacional, a 11 de Novembro de 1975.

Leia também