Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Reconstrução Nacional

23 Outubro de 2019 | 20h19 - Actualizado em 23 Outubro de 2019 | 20h19

Reabilitação de estrada transtorna cidadãos no Sumbe

Sumbe - Engarrafamento e atrasos ao serviço são os transtornos que a reabilitação do troço sobre a ponte do Rio Kambongo, localizado a entrada da cidade do Sumbe, província do Cuanza Sul, está a causar à população desta região, desde domingo (20), data de início das obras.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Estrada Nacional 100

Foto: Arquivo

Com duração de uma semana, os trabalhos em curso obrigou a interdição de uma das faixas de rodagem da via para permitir a realização das obras, situação que dificulta a circulação dos automobilistas, e não só, por  ser a única via de entrada e saída.

 Falando hoje à Angop, o responsável provincial do Instituto Nacional de Estradas de Angola (INEA), Salgado Amor, informou que serão intervencionados cerca de 500 metros, onde serão feitos uma sub-base com 20 centímetros, base igualmente com 20 e o asfalto com cinco de espessura.

Para contrapor estas dificuldades, o responsável falou da intenção de se fazer uma passagem alternativa, mas a qualidade do solo (instável), ao longo do Rio Kambongo, obrigaria a gastos avultados, tendo-se optado em intervenção alternativa, interditando uma das faixas enquanto se circula na outra.

A esse propósito, Salgado Amor revelou que existe já um projecto que é a variante do Sumbe, que visa a construção de uma nova estrada com cerca de 20 quilómetros, partindo alguns metros após o Instituto dos Petróleos, à esquerda em direcção ao Sumbe, para atingir a zona da Sassa, periferia da cidade.

“Já existe um traçado novo que está paralisado momentaneamente por ter se perfurado uma caverna, na altura da prospecção de um local em que se deveria construir uma ponte. Por outro lado, a falta de recursos financeiros para se continuar com os trabalhos e a localização ideal para a construção da ligação constituem impedimentos ”, disse a fonte.

Ao se concretizar, essa alternativa poderia desafogar, sobremaneira, o troço Chingo-Centro do Sumbe e vice-versa e até prevenir acidentes.

Fez saber igualmente que quando asfaltarem o troço Morro do Chingo/Sumbe, prevista para o corrente mês, será sugerida a colocação de redutores de velocidade para acautelar os frequentes capotamentos.

De uma forma geral, todo centro da cidade do Sumbe está com as ruas escavadas, a serem construídas infra-estruturas de escoamento das águas pluviais e residuais.

Leia também
  • 23/10/2019 13:35:17

    Zaire recebe máquinas para conservação das estradas

    Mbanza Kongo - Cerca de uma dúzia de máquinas para a conservação de estradas, das 41 previstas, chegaram já à província do Zaire, cedidas pelo Ministério da Construção e Obras Públicas, informou nessa terça-feira, o director do gabinete provincial do sector Augusto Tiago.

  • 05/10/2019 17:09:01

    Cuanza Sul: Falta de britas retarda asfaltagem da EN100

    Sumbe - A falta de fornecimento de britas e atraso no pagamento está na base da paralisação dos trabalhos, há um ano, das obras de asfaltagem de um percurso de 18 quilómetros entre a cidade do Sumbe e a comuna do Quicombo (Cuanza Sul), na Estrada Nacional (EN) 100, no lote 3.

  • 27/08/2019 05:59:23

    População de Kissenguele pede reabilitação da estrada

    Uíge - A população da povoação de Kissenguele, no município do Uíge, pediu segunda-feira a reabilitação da via que liga a localidade à sede municipal, para facilitar o escoamento dos produtos do campo para o mercado.