Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

11 Junho de 2018 | 13h39 - Actualizado em 11 Junho de 2018 | 13h38

Gabinete de Ética avalia desempenho dos técnicos de saúde

Uíge - Uma delegação multissectorial do Gabinete de Ética e Humanização dos Serviços de Saúde encontra-se desde hoje, segunda-feira, na cidade do Uíge, para avaliar o desempenho e dedicação dos profissionais da saúde no tratamento dos pacientes quanto ao cumprimento das normas de ética.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O supervisor nacional do Gabinete, Francisco Nkola, que chefe da delegação que durante cinco dias vai trabalhar nos 16 municípios da província, adiantou que 20 membros, repartidos em três equipas, vão trabalhar em todas as unidades sanitárias da província.

“Vamos ouvir os técnicos das diversas unidades sanitárias, assim como pacientes e seus familiares sobre a forma como são atendidos nos diversos estabelecimentos sanitários da província”,  deu a conhecer.

Segundo explicou, após a avaliação da situação seguir-se-á a fase de formação dos técnicos da saúde para suprir as dificuldades a serem constadas quanto à ética e humanização dos serviços de saúde a todos os níveis.

A informação foi prestada durante o encontro que o grupo manteve com o governador da província, Pinda Simão.

Na ocasião, Pinda Simão agradeceu a iniciativa do Gabinete de Ética e augura que o mesmo contribua para melhorar a prestação dos serviços de saúde a população.

O Gabinete de Ética e Humanização, criado em Janeiro do corrente ano, em Luanda, conta com 40 membros e tem como parceiros as Ordens: dos Médicos, dos Enfermeiros e dos Farmacêuticos, Técnicos de Diagnóstico e Terapêutica, Associação dos Assistentes Sociais, Igreja Católica, Aliança Evangélica de Angola, CICA, CIRA, Instituto Superior João Paulo II e Universidade Católica.   

Leia também
  • 11/06/2018 22:46:07

    Diagnosticados mais de 100 casos de malária em Culo e Banza Luanda

    Uíge - Cento e oitenta casos de malária foram diagnosticados, entre as 396 pessoas testadas pelos técnicos de saúde, nos últimos dias, nas aldeias de Banza Luanda e Culo, município do Uíge, informou hoje, segunda - feira, à Angop a directora municipal do Uíge de Saúde, Lucrécia Pedro.

  • 11/06/2018 21:32:01

    Hospital de Ondjiva sem serviço de ecografia

    Ondjiva - Os exames de ecografia no Hospital Geral de Ondjiva, província do Cunene, estão paralisados, desde o dia 1 do corrente mês, devido a falta de um médico especializado, constatou nesta segunda-feira à Angop.

  • 10/06/2018 11:45:05

    Assistidos 921 cidadãos com problemas oftalmológicos

    Ondjiva - Novecentos e 21 pacientes com problemas de visão foram assistidos na secção de Oftalmologia do Hospital Geral de Ondjiva, província do Cunene, no período de Janeiro á Maio, do ano em curso, mais 42 pacientes em relação ao período anterior.