Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

11 Junho de 2018 | 13h39 - Actualizado em 11 Junho de 2018 | 13h38

Gabinete de Ética avalia desempenho dos técnicos de saúde

Uíge - Uma delegação multissectorial do Gabinete de Ética e Humanização dos Serviços de Saúde encontra-se desde hoje, segunda-feira, na cidade do Uíge, para avaliar o desempenho e dedicação dos profissionais da saúde no tratamento dos pacientes quanto ao cumprimento das normas de ética.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O supervisor nacional do Gabinete, Francisco Nkola, que chefe da delegação que durante cinco dias vai trabalhar nos 16 municípios da província, adiantou que 20 membros, repartidos em três equipas, vão trabalhar em todas as unidades sanitárias da província.

“Vamos ouvir os técnicos das diversas unidades sanitárias, assim como pacientes e seus familiares sobre a forma como são atendidos nos diversos estabelecimentos sanitários da província”,  deu a conhecer.

Segundo explicou, após a avaliação da situação seguir-se-á a fase de formação dos técnicos da saúde para suprir as dificuldades a serem constadas quanto à ética e humanização dos serviços de saúde a todos os níveis.

A informação foi prestada durante o encontro que o grupo manteve com o governador da província, Pinda Simão.

Na ocasião, Pinda Simão agradeceu a iniciativa do Gabinete de Ética e augura que o mesmo contribua para melhorar a prestação dos serviços de saúde a população.

O Gabinete de Ética e Humanização, criado em Janeiro do corrente ano, em Luanda, conta com 40 membros e tem como parceiros as Ordens: dos Médicos, dos Enfermeiros e dos Farmacêuticos, Técnicos de Diagnóstico e Terapêutica, Associação dos Assistentes Sociais, Igreja Católica, Aliança Evangélica de Angola, CICA, CIRA, Instituto Superior João Paulo II e Universidade Católica.   

Leia também
  • 01/11/2018 15:31:09

    Mais de quatro mil pacientes assistidos no centro de reabilitação do Bié

    Cuito - Pelo menos quatro mil 545 pacientes, entre crianças e adultos, com deficiências físicas foram assistidas no centro de reabilitação física, de Janeiro a 31 de Outubro deste ano, informou hoje, quinta-feira, no Cuito, o administrador da unidade, Bertil Afonso Cassoma.

  • 01/11/2018 14:59:37

    Estomatologia regista 40 a 60 casos/dia de cárie

    Uíge - Quarenta a sessenta pacientes com cárie dentária são atendidos diariamente pelo serviço de estomatologia do hospital provincial do Uíge, informou hoje, quinta-feira, à Angop, o chefe local da área sanitária, João Pinto.

  • 31/10/2018 14:28:29

    Sanatório sem reagentes para exames

    Menongue - A falta de reagentes, nos últimos dias, no hospital sanatório de Menongue, no Cuando Cubango, tem levado a que o diagnóstico da tuberculose seja feito com recurso ao exame de raio X, informou terça-feira, a administradora da unidade sanitária, Victória Mutango.

  • 30/10/2018 11:51:45

    Distribuídos 1.345 mosquiteiros a população da Lúbia

    Nhârea - Mil e 345 mosquiteiros impregnados foram distribuídos às comunidades da comuna da Lúbia, município do Nhârea, 240 quilómetros a norte da província do Bié, desde Agosto a presente data, pelas autoridades sanitárias na circunscrição.