Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

11 Junho de 2018 | 21h32 - Actualizado em 11 Junho de 2018 | 18h50

Hospital de Ondjiva sem serviço de ecografia

Ondjiva - Os exames de ecografia no Hospital Geral de Ondjiva, província do Cunene, estão paralisados, desde o dia 1 do corrente mês, devido a falta de um médico especializado, constatou nesta segunda-feira à Angop.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Hospital Geral do Ondjiva

Foto: José Cachiva

Face a esta situação, os pacientes são obrigados a recorrer às clínicas privadas a fim de serem submetidos ao exame de ecografia obstétrica, ao preço de três mil e 500 kwanzas.

Contactado, o director-geral da unidade sanitária, Fernando Somongula, disse que o facto deve-se a ausência do único médico especializado que terminou o seu contrato de trabalho.

Fernando Somongula garantiu que a situação é do conhecimento do Ministério de Saúde e possivelmente dentro desta semana será encaminhada uma médica expatriada, realçando a necessidade de, pelo menos, três especialista, afim de garantir a eficiência dos serviços.

Destacou a importância do exames de ecografia obstétrica, por ser um dos principais exames complementares de diagnóstico utilizado para a vigilância da grávida, pois para além do despiste da malformação, permite monitorizar o desenvolvimento do bebé.

De realçar que o serviço de ecografia no Hospital Geral de Ondjiva foi implantado em 2016,com um atendimento diário de 30 pacientes.  

Leia também
  • 04/02/2019 06:38:08

    Uíge com serviço de tele-medicina

    Uíge - A província do Uíge vai ter, muito brevemente, alguns pontos de serviço de tele-medicina para assistir pacientes, atendendo a falta de médicos especialistas em certas áreas da medicina, anunciou domingo, nesta cidade, a ministra da Saúde, Sílvia Lutukuta.

  • 01/02/2019 21:16:10

    Casos de tuberculose aumentam no Cunene

    Ondjiva - Mil e 802 casos de tuberculose foram registados na província do Cunene, em 2018, contra os 986 notificados no ano de 2017, disse hoje ( sexta-feira), em Ondjiva, a supervisor local do Programa de Combate a Tuberculose, Ricardina Assunção.

  • 31/01/2019 18:12:37

    Aumenta número de mulheres nas consultas de planeamento familiar

    Ondjiva - Cinco mil e 355 mulheres com idade fértil aderiram às consultas de planeamento familiar no Hospital Geral de Ondjiva, província do Cunene, em 2018, constituindo um aumento de duas mil e 230 pacientes atendidas em relação a 2017.

  • 31/01/2019 11:05:50

    Luanda intensifica luta contra vector da malária

    Luanda - O Governo Provincial de Luanda vai, de 5 a 28 de Fevereiro, intensificar a luta anti-vectorial da malária em todos os municípios da capital angolana, para reduzir o impacto da doença na população.