Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

10 Agosto de 2018 | 13h41 - Actualizado em 10 Agosto de 2018 | 13h41

País precisa melhorar índice de desenvolvimento humano

Luanda - O Inquérito de Indicadores Múltiplos e de Saúde (IIMS) 2015/2016 reflecte de forma clara a necessidade de se melhorar o índice de desenvolvimento humano da população angolana, disse hoje, sexta-feira, em Luanda o presidente da Assembleia Nacional(AN), Fernando da Piedade Dias dos Santos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Fernando da Piedade dias dos Santos, Presidente da Assembleia Nacional

Foto: Francisco Miudo

O líder parlamentar, que falava durante a sessão de abertura do workshop realizado pela 6ª comissão dos deputados da AN" sobre "Os Indicadores Múltiplos e de Saúde 2015_2016", referiu que a análise dos indicadores constata que a situação social do país é preocupante e requer atenção especial.

Segundo o presidente da Assembleia Nacional, o relatório constitui uma óptima ferramenta que pode ajudar a melhorar e definir as políticas públicas em áreas sensíveis e de grande importância.

“A responsabilidade de inverter esse quadro é de todos, portanto, o desafio de melhorar os dados dos próximos relatórios deve ser prioridade da nossa agenda, nesta legislatura “, frisou.

Para si, é possível alterar-se o quadro através de uma cooperação positiva com o Executivo, com o objectivo de serem implementadas políticas e medidas capazes de reduzir a pobreza, desemprego e as diferenças sociais.

De acordo com o responsável, os deputados devem apoiar-se nesta ferramenta fundamental e garantir que nos próximos Orçamentos Gerais do Estado (OGE) estejam inscritas verbas para os programas do sector social que concorrem para o bem-estar das famílias angolanas e o progresso social, em linha com o Plano Nacional de Desenvolvimento(PND)2018-2022 e os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável(ODS).

O encontro vai contribuir para uma nova visão da utilização da informação que é disponibilizada, com o objectivo de melhorar as funções e melhor servir o Estado e o povo que representamos”, reconheceu.  

Assuntos Parlamento