Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

23 Outubro de 2020 | 15h32 - Actualizado em 23 Outubro de 2020 | 15h31

Vice-governador apela pais a levarem crianças à vacinação contra pólio

Saurimo - O vice-governador para o sector económico, politico e social da província da Lunda Sul, Mendes Gaspar, apelou hoje, sexta-feira, aos pais e encarregados de educação no sentido de levarem as crianças aos postos de vacinação, afim de serem imunizadas contra a poliomielite.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Lunda Sul: Capanha de vacinação contra a pólio

Foto: Malamba

Ao falar no acto de abertura da campanha contra a pólio na região, que decorre de 23 a 31 do corrente mês, sob o lema “Pela humanização, respeite a vida sempre”, o responsável salientou que as condições estão criadas para as autoridades sanitárias imunizarem cerca de 97 mil e 919 crianças dos zero aos cinco anos, assim como administrarem a vitamina A.

“A campanha só terá êxito se os pais e encaregados de educação colaborarem. O Governo quer erradicar a poliomielite no país, razão pela qual tem envidado esforços no sentido de combater a doença”, referiu.

Por sua vez, o chefe de departamento de saúde pública, Domingos Txiculo, explicou que, para o êxito da campanha, estão disponíveis 105 mil doses de vacinas orais e mais de 600 mil injectáveis, bem como 91 mil e 500 cápsulas de vitamina A.

Sublinhou que a vitamina A será administrada às crianças dos seis meses a menores de cinco anos de idade.

Estão envolvidos na campanha 55 equipas, compostas por 350 pessoas, sendo 49 para Saurimo e duas para cada município (Cacolo, Muconda e Dala), com um total de 19 postos fixos.

Na última campanha contra pólio, em 2019, a Lunda Sul imunizou 121 mil e 754 crianças dos zero aos cinco anos, no âmbito da terceira ronda de vacinação contra a doença.

A primeira fase desta campanha  abrangeu as províncias de Cabinda, Bengo, Malanje, Lunda Norte, Lunda Sul, Moxico e do Uíge.

A poliomielite (paralisia infantil) é uma doença contagiosa aguda, causada por vírus que pode infectar crianças e adultos. Os casos graves podem acarretar paralisia nos membros inferiores.

Leia também