Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

12 Outubro de 2017 | 16h57 - Actualizado em 12 Outubro de 2017 | 18h02

Portugal: OMA apela à promoção de mais actividades no exterior

Lisboa (Da correspondente ) - A Organização da Mulher Angolana (OMA) apelou ao secretariado em Portugal para a promoção de mais actividades sócio-políticas, culturais e recreativas, com o objectivo de dar a conhecer o comité naquele país luso e congregar mais militantes e simpatizantes.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Simbolo da OMA

Foto: BARTOLOMEU DO NASCIMENTO/Arquivo

Secretária-Geral da OMA, Luzia Inglês

Foto: Joaquina Bento

Ao falar à Angop a propósito da realização, em Lisboa (Portugal), de um Seminário de Capacitação com Base nos Estatutos e Regulamento da Organização feminina, a sua representante, Ana Vaz Concelhos, referiu que o encontro foi dirigido às militantes para o cumprimento das tarefas que lhes são incumbidas.

Durante a actividade, orientada pela secretária-geral da OMA, Luzia Inglês "Inga", esta fez uma breve abordagem sobre os documentos que regulam o funcionamento da organização, começando pelo Programa de Acção e Estatutos, documento único aprovado no V Congresso da OMA, em Março de 2016.

Em relação ao regulamento da comissão de disciplina, Luzia Inglês referiu que o mesmo é de extrema importância para o controlo da disciplina interna da organização.

No encontro, estiveram presentes o segundo secretário do MPLA em Portugal, António Nicásio, o primeiro secretário da JMPLA em Portugal, David Goubel, coordenadores das diferentes secções e membros do referido organismo.

Assuntos OMA   Sociedade  

Leia também
  • 21/03/2018 02:01:10

    Huíla: Mais de 40 famílias Recebem apoios

    Lubango - Quarenta e uma famílias desalojadas pelas chuvas no último fim-de-semana no bairro Comercial, município do Lubango, começaram terça-feira, nesta cidade, a receber do governo da Huíla lotes de terra de 600 metros quadrados destinados a auto-construção de residências, na zona da Eywa, no projecto das 200 casas evolutivas.

  • 20/03/2018 22:51:13

    Malanje: Serviço Penitenciáro descarta excesso de prisão preventiva

    Malanje - O director provincial do Serviço Penitenciário, Subcomissário Prisional Chinhama Samuel Jamba, descartou nesta terça-feira a possibilidade de existir casos de excesso de prisão preventiva nos três centros de reclusão existentes na província.

  • 20/03/2018 17:32:51

    Rio Cambongo transborda e deixa casas nos combatentes alagadas

    Sumbe - Moradores do Bairro dos Antigos Combatentes, na periferia da cidade do Sumbe (Cuanza Sul), têm hoje (terça-feira) as suas casas alagadas, devido ao transbordo do rio Cambongo, afectando pelo menos duas mil e cinco mil pressoas.

  • 20/03/2018 15:24:25

    Destacado contributo da sociedade civil na socialização dos reclusos

    Ndalatando - O contributo da sociedade civil na moralização e socialização para a reintegração dos reclusos do Estabelecimento Prisional do Cuanza Norte foi destacado, hoje, terça-feira, em Ndalatando, pelo director da mesma instituição, superintende prisional chefe, José Manuel Teixeira, durante o acto das comemorações do 39º aniversário do órgão.