Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

12 Janeiro de 2018 | 19h11 - Actualizado em 12 Janeiro de 2018 | 19h10

Detectados 176 Bilhetes de Identidade em posse de estrangeiros

Uíge - Cento setenta e seis Bilhetes de Identidade e Cédulas de Nascimento, atribuídas de forma fraudulenta, foram detectados, nos últimos dias, na província do Uíge, em posse de cidadãos estrangeiros de várias nacionalidades, pelos serviços de Migração e Estrangeiros, denunciou hoje (sexta-feira) o governador Pinda Simão, durante uma assembleia de trabalhadores da delegação local do Ministério da Justiça e Direitos Humanos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Governador do Uíge, Pinda Simão

Foto: Francisco Miúdo

 Mpinda Simão referiu ser imperiosa a humanização e mudança de mentalidade dos funcionários do sector da Justiça, com vista a combater tais práticas que comprometem o bom funcionamento do pelouro aos vários níveis.

O governador advogou a necessidade do sector da Justiça trabalhar, afincadamente, com vista a manter um combate cerrado contra as práticas de atribuição de Bilhetes de Identificação de forma fraudulenta a cidadãos estrangeiros.

Reconheceu que o sector da Justiça continua, ainda, a apresentar debilidades a vários níveis, e que mancha o  seu bom funcionamento, daí a necessidade  de se trabalhar, cada vez mais, para se inverter o actual quadro.

Por sua vez, o delegado local da Justiça e dos Direitos Humanos, Miguel Cutoca, garantiu que, este ano, o sector que dirige vai intensificar, em colaboração com os Serviços de Migração e de Investigação Criminal, medidas de vigilância para combater a atribuição, de forma fraudulenta, do Bilhete de Identidade e de Cédulas de Nascimento a cidadãos estrangeiros, assim como punir os  autores envolvidos na mesma prática.

Assuntos Justiça   Província » Uíge  

Leia também
  • 21/03/2018 14:35:43

    Unicef destaca programa de registo logo a nascença

    Uíge - O representante do Unicef em Angola, Abubakar Sultan, considerou hoje, quarta-feira, nesta cidade, que o programa " Nascer com registo", do Ministério da Justiça, é uma importante estratégia inovadora que visa salvaguardar o direito da criança obter um registo e uma identidade logo à nascença.

  • 21/03/2018 14:31:07

    Programa "Nascer com Registo" prevê atingir 180 postos informatizados

    Uíge - O programa "Nascer com Registo", do Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos, que prevê a interligação das maternidades e as unidades de saúde às Conservatórias de Registo Civil, por meio de um sistema informatizado, prevê atingir, até o próximo ano, 180 postos.

  • 19/03/2018 21:46:41

    Mais de 300 mil registos efectuados nos últimos sete anos na província

    Uíge - Trezentos e setenta e cinco mil novecentos e noventa registos foram efectuados, nos últimos sete anos, na província do Uíge, pela delegação provincial do Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos.

  • 19/03/2018 21:43:07

    Registo de nascimento vai contar com concurso de parteiras e autoridades tradicionais

    Uíge - O registo de nascimento de crianças no país vai contar, dentro em breve, com o concurso das parteiras e autoridades tradicionais, anunciou hoje, nesta cidade, o ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz.