Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

10 Fevereiro de 2018 | 01h52 - Actualizado em 10 Fevereiro de 2018 | 01h52

Malanje: Defendida prevenção primária de saúde nas comunidades

Malanje - As comunidades devem observar as medidas de prevenção primária de saúde, de modo a se evitar a progressão de doenças que em muitos casos resultam em mortes, defendeu na sexta-feira a chefe de saúde pública da Direcção Provincial de Saúde de Malanje, Yolanda Mote Ndosa.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Segundo a responsável, deste modo, será possível garantir a melhoria da saúde das pessoas e evitar gastos onerosos em tratamentos de patologias que podem ser prevenidas.

Dissertando uma palestra sobre saúde pública e participação do cidadão, enquadrada nas festividades dos 86 anos da cidade de Malanje, que se assinam a 13 deste mês, Yola Ndosa destacou, entre as medidas preventivas, a prática de exercícios físicos acompanhada de dieta alimentar equilibrada, bem como a constante limpeza domiciliar e comunitária.

A palestra contou com a participação de membros do governo e de partidos políticos, autoridades tradicionais, estudantes, entre outros convidados.

Malanje foi elevada à categoria de cidade a 13 de Fevereiro de 1932, pelo primeiro governador do então distrito, Veríssimo Sarmento, através do Diploma Legislativo número 313 do regime português.

Em saudação a data, estão agendadas várias actividades como feiras do produto e literária, concerto gospel, moda Malanje, torneio de futebol 11, mesa redonda sobre a cidade, palestras, entre outras.

Leia também
  • 10/02/2018 00:29:13

    Cuando Cubango: PIDLCP prevê abranger mais de 50 mil pessoas

    Menongue - O Plano Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza (PIDLCP) no Cuando Cubango vai abranger 58 mil e 180 pessoas, das quais mil 735 ex-militares, anunciou na sexta-feira, em Menongue, o governador da província, Pedro Mutindi.

  • 09/02/2018 16:12:12

    Descentralização administrativa facilita responsabilização -Jurista

    Malanje - A facilidade na responsabilização de detentores de cargos públicos e não só, por eventuais transgressões aos princípios que norteiam a ordem jurídica, incluindo o aumento da eficácia do serviço público, foram descritas hoje (sexta-feira) pelo jurista Neves Moxi, como sendo as principais vantagens da descentralização administrativa.

  • 09/02/2018 16:07:46

    MININT no Bié desmente falsas informações sobre a morte de reclusos nas cadeias

    Cuito - A delegação provincial do Interior na província do Bié desmentiu hoje (sexta-feira) as falsas informações veiculadas no Facebook, através do perfil "Nossas Denúncias", que, supostamente, 20 reclusos são internados com patologias diversas e registo de dois a três óbitos, semanalmente, nas cadeias da comarca da região.

  • 09/02/2018 15:53:30

    Bombeiros solicitados a intervir em 21 ocorrências nos últimos sete dias

    Ndalatando - O Serviço de Protecção Civil e Bombeiros (SPCB) no Cuanza Norte foi chamado a intervir em 21 ocorrências registadas nos últimos sete dias, na província, mais sete, comparativamente, a igual período transacto.