Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

13 Junho de 2018 | 17h28 - Actualizado em 13 Junho de 2018 | 17h47

Polícia Nacional retira armas de fogo de supostos marginais

Luanda - Cinco armas de fogo foram retiradas nas últimas 24 horas das mãos de supostos marginas pelo Comando Provincial da Polícia Nacional (PN), menos uma em relação ao período anterior, revela uma fonte policial.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Armas de fogo recuperadas pela Polícia Nacional

Foto: AURÉLIO SEGUNDA MOURINHO

Em declarações hoje (quarta-feira) à Angop, o oficial de informação do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do órgão de Polícia, sub-inspector, Euler Matari, informou que retirou-se também duas viaturas, 48 quilogramas de estupefaciente e utensílios de utilidade doméstica, bem como detidos 52 indivíduos por suspeita de práticas criminosas.

Já na segurança rodoviária registaram-se dois acidentes de viação, com três feridos, aplicadas 211 multas por infrações ao código de estrada. O serviço de emergência policial registou 115 solicitações de intervenção.

Agradeceu os cidadãos que fizeram denúncias de factos criminais ou de situações que colocam em causa a segurança pública.

Com uma população estimada em mais de seis milhões de habitantes, fazem parte da província de Luanda os municípios de Luanda, Cazenga, Cacuaco, Viana, Belas, Kilamba Kiaxi,Talatona, Icolo e Bengo e Quiçama.
 

Assuntos Polícia Nacional   Sociedade  

Leia também
  • 08/11/2018 17:46:00

    Responsável sugere cooperativas numa única entidade

    Ndalatando - A necessidade da criação de uma única entidade que congregue todos os ramos do cooperativismo para melhor organização e defesa dos seus direitos foi defendida, hoje (quinta-feira), em Ndalatando, Cuanza Norte, pela vice-presidente da Federação das Associações de Camponeses e Cooperativas Agropecuárias de Angola (Unaca), Ricardina Machado.

  • 08/11/2018 17:31:48

    APROSOC facilita registo de 400 menores de cinco anos

    Luena - Quatrocentas menores vulneráveis, de cinco anos de idade, da comuna do Lucusse, província do Moxico, beneficiaram, de Julho até a presente data, de registo de nascimento gratuito e vacinas contra o tétano e a pólio, no âmbito do Projecto de Apoio à Protecção Social (APROSOC).

  • 08/11/2018 17:24:09

    Anciã morre por Descarga atmosférica no Cuvango

    Cuvango - Uma anciã de 75 anos de idade morreu, quarta-feira, vítima de descarga atmosférica, no município do Cuvango, província da Huíla, informou hoje, quinta-feira, no Lubango, o porta-voz do Comando Provincial dos Serviços de Protecção Civil e Bombeiro, Inocêncio Hungulo.

  • 08/11/2018 17:15:30

    Paz exercício de soberania e segurança - diz responsável

    Luanda - A construção da paz é um exercício de soberania e de segurança nacional, por constituir a base para a defesa e preservação do bem comum, cujo objectivo fundamental deverá ser dotado as crianças e adultos, considerou hoje, quarta-feira, em Luanda, o director-geral da Fundação Eduardo dos Santos (FESA), João de Deus.