Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

12 Junho de 2018 | 18h16 - Actualizado em 12 Junho de 2018 | 18h16

Responsáveis capacitados sobre Sistema de Informação Básica

Moçâmedes - Administradores, chefes das Repartições Municipais dos Gabinetes de Estudo e Planeamento, Saúde, Educação e técnicos de recolha de dados do Fundo de Apoio Social (FAS) no Namibe participam, a partir de hoje (terça-feira) até ao dia 14 do mês em curso, nessa província, numa acção formativa sobre o Sistema de Informação Básica e Municipal.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A formação é promovida pela Direcção Provincial do FAS. Participam na mesma, responsáveis de cinco municípios que compõem a província do Namibe (Moçâmedes, Virei, Kamucuio, Bibala e Tômbwa).

No acto de abertura, o administrador municipal de Moçâmedes, João Ernesto dos  Santos , disse ser mais uma etapa e um desafio que o FAS assumiu no âmbito do  projecto de execução local , no capítulo de reforço de capacidade institucionais locais.

O SIBM surge da necessidade de uma plataforma de recolhas  e tratamento de dado , como o suporte  a planificação de gestão municipal e diagnostico institucional da administração do território de modo rápido , autónomos  e fidedigno no âmbito do plano  de 2015 a 2025.

O Projecto SIBM foi apresentado e validado em  2017,  pelo Conselho de Direcção  do Ministério de Administração do Território, assim como a sua configuração no data center do MAT, com atribuição no domínio  público, estando assim  as  condições criadas para a sua implementação  gradual em todos os 164 municípios do país.

Por seu turno, o director provincial do Fundo de Apoio  Social (FAS) do Namibe,  Manuel Esteves , disse que o sistema  SIBM é um processo evolutivo que facilitará a recolha e tratamento de dados , quer a nível municipal, provincial e central.

Em Benguela,  os gestores de base de dados e agentes da administração local do Estado também participam, a partir de hoje (terça-feira), em Benguela, numa acção de género, promovida pela mesma instituição em parceria com Instituto Formação de Administração Local (IFAL).

Durante quatro dias, os formandos vão aprimorar temas sobre o sistema e gestão, aspectos técnicos, Interface do Sistema de Informação Básica Municipal (SIBM), análise de dados, introdução de dados e descarga de dados dos telemóveis para base de dados no computador.

Falando na abertura do curso, a vice-governadora para o sector político, económico e social, Deolinda Valiangula, disse que a formação vai proporcionar ao Governo a criação de um banco de dados mais actualizado e seguro desde dos domínios geográficos, político e social.

A responsável explicou que, o SIBM vai permitir a recolha de dados de forma segura, estruturada, sistematizada e formato de indicadores de dados estatísticos, relativos aos índices de pobreza, bem como na actualização de mapas, relatórios, perfis municipais e estudo do sector económicos.  

Por seu lado, a directora do Fundo de Apoio Social, Maria de Jesus Alexandre, avançou que os gestores e decisores a nível provincial e nacional poderão obter maior disponibilidade de dados e informação que permitirá gerir, monitorar e avaliar o desempenho de todas as estruturas da administração do território.

Augurou que o SIBM vai contribuir para responder as actuais necessidades e exigências da desconcentração administrativa, municipalização de serviços e institucionalização das autarquias locais.

Assistiram a abertura da acção formativa, administradores municipais, entre outros convidados.

Leia também
  • 12/06/2018 15:18:30

    Considerado preocupante o quadro do trabalho infantil na província

    Benguela - A representante provincial adjunta do Instituto Nacional da Criança (INAC) em Benguela, Florença Jala, caracterizou esta terça-feira, de preocupante, o actual quadro da crianças e adolescentes submetidos a trabalhos perigosos na circunscrição, agravado pelas péssimas condições sociais como desenvolvem tais actividades.

  • 09/06/2018 16:55:35

    Município de Moçâmedes conta com novo soba

    Moçâmedes - O soba grande do município de Moçâmedes, Bakulapo Tumanita, de 54 anos de idade, foi apresentado hoje, sábado, nesta cidade, aos membros do governo, administradores municipais e a população desta circunscrição.

  • 09/06/2018 16:01:23

    Dom António Jaka promete dinamizar expansão do evangelho

    Benguela - O novo bispo da diocese de Benguela, Dom António Francisco Jaka, prometeu na sexta-feira, nesta cidade, dinamizar a expansão do evangelho para edificação da igreja.