Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

09 Agosto de 2018 | 19h22 - Actualizado em 10 Agosto de 2018 | 10h15

Administrador do Mawé ferido por accionamento de mina

Menongue - O administrador comunal do Mawé, município do Calai, Fernando Caunda, ficou ferido nos membros inferiores e no rosto, quando o carro que se fazia transportar accionou uma mina anti-tanque, na noite de quarta-feira, no Cuito Cuanavale.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Sinalização de área minada

Foto: Rosário dos Santos/Arquivo

Em declarações hoje, quinta-feira, à Angop, no Hospital Geral do Cuando Cubango, o administrador explicou que o incidente aconteceu por volta das 21 horas de quarta-feira, quando regressava pelo troço Chambinga/sede do Cuito Cuanavale, que é frequentemente utilizado por viaturas e pessoas.

Segundo informou, dos cinco ocupantes apenas ele ficou ferido, os demais sairam ilesos. A viatura ficou danificada.

A vítima explicou que depois do incidente, foi nas primeiras horas de hoje transportado para o Hospital Geral do Cuando Cubango, onde recebe cuidados médicos e que já sente-se melhor.

O caso sucedeu nas proximidades do Triângulo do Tumpo, zona que foi fortemente minada ao longo da guerra civil que assolou o país e que muitas minas, apesar de processos contínuos de desminagens já efectuados, ainda assim suspeita-se a existência de minas em várias áreas.

Em função desta realidade provocada pela grande Batalha do Cuito Cuanavale, travada no período entre 1987 a 1988, entre as tropas governamentais e inimigas, aliadas as então forças sul-africanas racistas, o Executivo já desenvolveu, em parceiras com outras ONG, com destaque para The Hallo Trust, acções de desminagem na circunscrição, processo paralisado por falta de recursos financeiros.

Este é o primeiro caso de incidente com minas que sucede naquela histórica municipalidade ao longo do ano em curso.

Leia também