Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

11 Outubro de 2018 | 16h54 - Actualizado em 11 Outubro de 2018 | 16h54

Falta de energia condiciona fornecimento de água potável a Saurimo

Saurimo - As constantes irregularidades no fornecimento de energia eléctrica na cidade de Saurimo (Lunda Sul), está a condicionar o sistema de abastecimento de água potável aos consumidores, impondo restrições, problema que prevalece há duas semanas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à Angop,hoje, quinta-feira, o coordenador da comissão de gestão de águas de Saurimo, José Txeleca, confirmou que o fornecimento de água está a ser feito a 60 porcento da capacidade real do sistema.

Sem avançar números de consumo diário, explicou que a quantidade de distribuição está abaixo da necessidade, mas ainda assim com interrupções por causa da falta de energia.

Sublinhou que um problema técnico registado no Centro de Captação e Tratamento de Distribuição de Água do rio Chicapa está resolvido, mas a grande dificuldade está relacionada com a energia eléctrica, que tão logo for resolvida a água jorrará nas torneiras dos clientes.

José Txeleca pediu desculpas aos consumidores, pelo transtorno e informa que a solução do problema depende da Empresa de Distribuição de Energia Eléctrica (ENDE).

Por seu turno, o director da Ende, Filipe João, certificou que existem alguns problemas técnicos na linha de transporte proveniente da central Grei “localizado no Aeroporto”, que deve ser resolvido ainda hoje.

Fez saber ainda que os bairros Txizainga I e II, Terra Nova, Santo-António, Sassamba, Candembe e Juventude estão privados de energia eléctrica, mas que tudo se está a fazer para solucionar o problema.

Leia também
  • 08/11/2018 17:46:00

    Responsável sugere cooperativas numa única entidade

    Ndalatando - A necessidade da criação de uma única entidade que congregue todos os ramos do cooperativismo para melhor organização e defesa dos seus direitos foi defendida, hoje (quinta-feira), em Ndalatando, Cuanza Norte, pela vice-presidente da Federação das Associações de Camponeses e Cooperativas Agropecuárias de Angola (Unaca), Ricardina Machado.

  • 08/11/2018 17:31:48

    APROSOC facilita registo de 400 menores de cinco anos

    Luena - Quatrocentas menores vulneráveis, de cinco anos de idade, da comuna do Lucusse, província do Moxico, beneficiaram, de Julho até a presente data, de registo de nascimento gratuito e vacinas contra o tétano e a pólio, no âmbito do Projecto de Apoio à Protecção Social (APROSOC).

  • 08/11/2018 17:24:09

    Anciã morre por Descarga atmosférica no Cuvango

    Cuvango - Uma anciã de 75 anos de idade morreu, quarta-feira, vítima de descarga atmosférica, no município do Cuvango, província da Huíla, informou hoje, quinta-feira, no Lubango, o porta-voz do Comando Provincial dos Serviços de Protecção Civil e Bombeiro, Inocêncio Hungulo.

  • 08/11/2018 17:15:30

    Paz exercício de soberania e segurança - diz responsável

    Luanda - A construção da paz é um exercício de soberania e de segurança nacional, por constituir a base para a defesa e preservação do bem comum, cujo objectivo fundamental deverá ser dotado as crianças e adultos, considerou hoje, quarta-feira, em Luanda, o director-geral da Fundação Eduardo dos Santos (FESA), João de Deus.