Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

28 Janeiro de 2020 | 11h22 - Actualizado em 28 Janeiro de 2020 | 11h22

Desassoreamenro de estação de captação priva Luena de água potável

Luena - O fornecimento de água potável à cidade do Luena e bairros periféricos, no Moxico, será feito com restrições a partir de hoje (terça-feira) devido a trabalhos de desassoreamento na estação de captação no rio Lumege.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ravina deposita areia na captação do rio Lumege

Foto: Kinda Kyungu

O anunciou foi feito pela Empresa Provincial de Águas e Saneamento (EPAS) do Moxico durante uma visita de constatação do vice-governador provincial para o sector político, económico e social, Carlos Alberto Masseca.

Segundo o coordenador em exercício da comissão de gestão da EPAS, Eurico Jorge, durante o mês previsto para os trabalhos de desassoreamento, construção e montagem de poço e comportas, a população vai receber água de uma reserva de sete mil e 500 metros cúbicos.

Explicou que o produto será proveniente dos reservatórios da Estação de Tratamento de Água do Bairro Social da Juventude, arredores da cidade do Luena.

O responsável apontou o alargamento da ravina localizada no bairro Caminina como a causa do acumulo de areia na barragem da captação do rio Lumege, que fornece água a cerca de 100 mil habitantes da urbe.     

Além da captação de água do rio Lumege, com capacidade para bombear 305 metros cúbicos por hora, a cidade do Luena conta com uma outra, do rio Luena, que se encontra em obra. Quando entrar em funcionamento vai bombear 100 metros cúbicos de água por hora.

 A EPAS no Luena controla sete mil e 45 clientes domiciliados com contadores e 48 chafarizes espalhados peloos bairros da cidade.

Leia também
  • 28/01/2020 10:59:35

    Governação deve responder anseios da população - Júlio Bessa

    Nankova - A governação deve estar alinhada aos anseios da população para assegurar melhores condições de vida para todos, disse o governador do Cuando Cubango, Júlio Bessa, no município de Nankova, a 300 quilómetros a Leste de Menongue, capital da província.

  • 28/01/2020 02:12:18

    Governador reitera unificação das aldeias para instalação de serviços sociais

    Cahombo - O governador provincial, Norberto dos Santos reiterou, nesta segunda-feira, a necessidade de se unificar as aldeias do município de Cahombo, com vista a evitar a dispersão das mesmas e permitir a instalação de empreendimentos sociais.

  • 27/01/2020 16:58:15

    Famílias do "estaleiro do Sequele" serão realojadas

    Luanda - Doze famílias residentes num estaleiro de empreiteiros chineses, na Centralidade do Sequele, município de Cacuaco (Luanda), há mais de cinco anos, serão realojadas noutras áreas da capital do país, até ao dia 07 de Fevereiro deste ano.