Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

29 Maio de 2020 | 21h13 - Actualizado em 29 Maio de 2020 | 21h13

Menor de três anos morre carbonizado em Quilengues

Lubango - Uma criança de três anos de idade morreu carbonizado, num incêndio que atingiu quatro residências de construção precária, no município de Quilengues, província da Huíla.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O incidente, segundo o  porta-voz do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros na Huíla, Inocêncio Hungulo, foi causado por negligência, suspeitando-se que o proprietário de uma das casas tenha deixado um fogareiro aceso no interior da mesma.

Fez saber ainda que o incêndio, que deflagrou por volta das oito horas, na localidade de Soco-Bata-Nende, a 25 quilométros da sede municipal de Quilengues, acabou extinto por populares.   

Para além do menor que morreu no local, os proprietários das residências perderam 400 quilogramas de milho, dois celeiros de feijão, um motor de motorizada, manuais escolares, 88 mil kwanzas, entre outros meios.

O porta-voz acrescentou que durante a semana registaram, igualmente, um incêndio numa sala de um posto de saúde, no sector da Mulenga, município da Humpata, por presumível fuga de gás.

Leia também
  • 29/05/2020 21:04:42

    Adespov disponibiliza ajuda financeira para famílias vulneráveis

    Lubango - A Associação de Desenvolvimento e Enquadramento Social das Populações Vulneráveis (Adespov) tem disponíveis um milhão, 863 mil e 368 Euros para apoiar as famílias carenciadas das províncias da Huíla, Namibe e Cunene.

  • 29/05/2020 10:45:55

    Programa Kwenda é lançado sábado no Nzeto

    Mbanza Kongo - O acto nacional de lançamento do programa de transferência monetária social, denominado Kwenda, acontece sábado (dia 30) na vila piscatória do Nzeto, na província do Zaire.

  • 28/05/2020 19:08:05

    Cidade Ndalatando assinala 64 anos de existência

    Ndalatando - Com acções viradas à melhoria e elevação da oferta de serviços sociais básicos à população, a cidade de Ndalatando, capital da província do Cuanza Norte, assinala hoje, quinta-feira, 64 anos da sua elevação à categoria de cidade, ocorrida a 28 de Maio de 1956.