Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

11 Julho de 2020 | 10h04 - Actualizado em 11 Julho de 2020 | 10h04

Covid-19: PN detém comprador de falso atestado

Luanda - A Polícia Nacional (PN) deteve, nesta sexta-feira, um camionista que comprou um falso comprovativo (atestado) de teste negativo de covid-19, no quilómetro (Km30), nesta cidade, informou o porta-voz do Ministério do Interior, Waldemar José.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Waldemar José, Porta-Voz do Ministério do Interior

Foto: Gaspar dos Santos

Ao falar na sessão de actualização da situação epidemiológica da covid-19 nas últimas 24 horas, Waldemar José informou que a referida pessoa será responsabilizada criminalmente, por fraudulentamente adquirir o comprovativo a cinco mil kwanzas.

“Nós tomamos conhecimento através de denúncias da população nas redes sociais que um cidadão terá comprado um atestado de teste negativo de covid-19. Averiguamos, e o envolvido está detido”, relatou, encorajando a população a continuar a denunciar actos do género.

A venda de falsos comprovativos de testes negativos da covid-19 resultam da tentativa de se esquivar as medida decretada pelo governo de que todas pessoas que viajarem em missão de serviço, de Luanda, devem testar 24 horas antes e apresentar o documento às autoridades.

Para o efeito, segundo Waldemar José, mobilizou-se excepcionalmente uma equipa do Ministério da Saúde aos postos de controlo da Maria Teresa (Luanda-Cuanza Norte) e do Longa (Luanda-Cuanza Sul), para testar todos aqueles que pretendiam deixar a capital do país.

A propósito, explicou que alguns camionistas e outros interessados chegaram aos referidos postos fronteiriços, e lamentavelmente já havia poucas condições logísticas, causando um constrangimento no tráfego rodoviário no sentido Luanda-Cuanza Sul e Luanda Cuanza Norte.

Explicou que depois de horas de espera e em face às filas intermináveis de carros, no final do dia ultrapassou-se a situaçao, pelo que todos seguiram viagem e “prometemos nos organizar melhor nas próximas horas”.

Pelo facto, Waldemar José pediu “sinceras desculpas” a todos que não viajaram nas horas previstas, assumindo a culpa das autoridades.

Assuntos Polícia Nacional   Sociedade  

Leia também
  • 11/07/2020 11:19:36

    ADRA instala reservatórios de água nos Gambos e Humpata

    Lubango - Vinte e cinco cisternas, com capacidade para armazenar 62 mil litros de água cada unidade, estão a ser construídas nos municípios dos Gambos e da Humpata, província da Huíla, pela Organização Não Governamental ADRA, para minimizar os efeitos da seca.

  • 10/07/2020 19:46:43

    Covid-19: Camionistas furtam-se em testar

    Luanda - Camionistas que prendendem sair de Luanda para as demais províncias do país estão a mostrar resistência em efectuar o teste da covid-19 na Escola Nacional de Saúde, na capital do país, por entenderem erradamente que os mesmos devem ser feitos nos postos fronteiriços.

  • 10/07/2020 18:48:30

    Covid-19: Administração do Tômbwa entrega moto-cisternas

    Tômbwa - Quatro moto-cisternas, com capacidade para mil litros cada, foram entregues hoje, sexta-feira, às comunidades das localidades do Cabo Negro e Rocha Magalhães, pela administração comunal do Tômbwa (Namibe), no âmbito do Plano de Contigência da covid-19.