Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Transporte

17 Julho de 2020 | 22h37 - Actualizado em 17 Julho de 2020 | 22h37

Covid-19: TAAG repudia comportamento de passageiros

Luanda - A companhia aérea nacional (TAAG) repudiou, nesta sexta-feira, a atitude e o comportamento de passageiros que, colocando os seus interesses acima da natureza e propósitos dos voos humanitários, procuram denegrir a sua imagem, esforço e dos seus profissionais.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

boing da frota da TAAG

Foto: Francisco Miúdo

Em nota de imprensa a que a Angop teve acesso, a TAAG reprova ainda  a atitude e o comportamento de passageiros que, imbuídos do desejo comercial, procuram forçar o embarque irregular de bagagem.

Aponta, como exemplo, a ocorrência com alguns passageiros embarcados no voo humanitário proveniente de São Paulo, Brasil.

Este mesmo comportamento, adianta, já tinha sido registado no voo humanitário de repatriamento dos 50 angolanos retidos na Turquia que, para além da total ocupação da capacidade de carga da aeronave, pretendiam transferir a responsabilidade de 10 toneladas adicionais para o Estado, quando se tratava de carga totalmente de caracter commercial.

Conforme a TAAG, o momento actual exige um esforço colectivo de compreensão, solidariedade e espirito patriótico, tendo em conta os condicionalismos de mobilidade e movimento de mercadorias, que impactam a dinâmica da economia mundial.

Avança que face ao actual cenário, o espiríto de missão e sentido patriótico dos seus profissionais e da sua direcção merece o reconhecimento daqueles que acabam por ser os primeiros beneficiários deste trabalho.

Apela aos próximos passageiros de voos humanitários e de repatriamento a observarem, estritamente, os propósitos e a natureza dos mesmos, especialmente quanto aos limites de peso estabelecidos para a bagagem individual.

A TAAG exorta os passageiros a pautarem a sua conduta de forma exemplar, quer seja em território nacional, quer seja no estrangeiro e adverte que vai usar de todos os meios legais ao seu alcance para defender a imagem e bom nome da companhia de bandeira nacional e do país.

A companhia reitera o compromisso de continuar a servir o país e todos os passageiros e clientes que a escolherem como sua transportadora de eleição.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 03/07/2020 10:19:02

    Covid-19: Aviões angolanos impedidos de voar para Europa

    Luanda - Angola consta de uma lista de países, cujas companhias aéreas estão, temporariamente, impedidas de voar para a União Europeia, até que a pandemia da Covid-19 seja controlada nesses territórios.

  • 29/06/2020 21:56:41

    TAAG recebe primeira aeronave Dash 8-400

    Luanda - A primeira das seis aeronaves do tipo Dash 8-400 adquiridas pelo Executivo Angolano a fabricante canadiana De Havilland of Canada Limited, no âmbito da modernização e reestruturação da TAAG - Linhas Aéreas de Angola, chegou, nesta segunda-feira, ao país.

  • 28/06/2020 10:46:55

    TAAG prevê redução de preços dos voos domésticos

    Luanda - Com entrada em operação da nova frota de aeronaves do tipo Dash-8400, a partir de Julho, a TAAG, Linhas Aéreas de Angola, prevê reduzir os preços dos bilhetes de passagem domésticos, segundo o presidente da Comissão Executiva (PCE), Rui Carreia.