Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Turismo

29 Outubro de 2020 | 15h47 - Actualizado em 29 Outubro de 2020 | 15h47

Ministra quer união no ambiente, turismo e cultura

Luanda - A ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, destacou, nesta quinta-feira, à necessidade de mais união, espírito de equipa e concertação de sinergias nos sectores do turismo, cultura e ambiente.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Carolina Cerqueira, Ministra de Estado para a área Social

Foto: Francisco Miudo

Falando na cerimónia de passagem de pastas entre a ministra cessante, Adjany Costa, e o actual ministro Jomo Fortunato, a governante reiterou para a conjugação de ideias e o envolvimento dos quadros do sector, particularmente, nesta fase de inúmeros desafios.

Para Carolina Cerqueira, as consequências da pandemia da Covid-19 está fazer com que as famílias e a população em geral passem por diversas dificuldades, razão pela qual destaca a necessidade da conjugação de esforços.

Neste contexto, acrescentou, é necessário trabalho e unidade, mas sobretudo o diálogo e concertação de ideias para que estes três sectores importantes no quadro da governação tenham, cada vez mais, um papel relevante no desenvolvimento sustentável do país.

A acção do sector, disse, contribuirá para gerar empregos, tendo em conta as valências de cada um dos sectores e sobretudo para que haja mais harmonia e bem-estar social.

"A cada um dos quadros dos sectores aqui representados pedimos que continuem com a mesma responsabilidade colectiva, espírito de missão e muita dedicação ", disse.

Por seu turno, o ministro Jomo Fortunato disse que vai primar pela busca de pontos de contacto comuns entre os três sectores e uma metodologia de trabalho dentro das suas especificidades.

"Temos uma agenda de trabalho que é urgente, com uma gestão aberta e abarca auscultar os técnicos do ambiente, os agentes do turismo, a classe artística e abordar a questão do património cultural", disse.

Para o ministro, os projectos devem ser continuados, dentre eles o turismo e as suas infra-estruturas, o estado social e crítico dos artistas, entre outros projectos individuais, para gerir as inteligências e valorizar o múltiplo e o controverso.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 26/09/2020 16:13:22

    Ministra quer turismo ao serviço do desenvolvimento rural

    Luanda - A ministra da Cultura, Turismo e Ambiente, Adjany Costa, destacou, neste sábado, a necessidade de se olhar para o turismo como uma janela para o mundo rural.

  • 23/09/2020 08:55:18

    Projectos turísticos na região do Okavango em vias de aprovação

    Luanda - O presidente do conselho de administração da Agência Nacional para a Gestão da Região do Okavango, Rui Lisboa, defendeu, nesta quarta-feira, a necessidade de investimentos públicos para a melhoria dos acessos, construção de infra-estruturas e instalação de serviços básicos, para viabilizar os investimentos em projectos turísticos na região angolana.

  • 30/11/2019 21:30:23

    Província do Bengo ganha guias turísticos

    Luanda - A província do Bengo ganhou, neste sábado, nove guias turísticos no âmbito da implementação do projecto "Apostar no Aviturismo".