Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Discursos dos Presidentes » Cimeira de Chefes de Estado e de Governo da Comissão da bacia do Congo

Cimeira de Chefes de Estado e de Governo da Comissão da bacia do Congo

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

29/04/2018 - Integra do discurso do Presidente da República, João Lourenço, neste domingo, na cerimónia de abertura da Cimeira de Chefes de Estado e de Governo da Comissão da bacia do Congo, ocorrida em Brazzaville (Congo).

-Sua Majestade Mohammed VI, Rei de Marrocos

-Excelência Denis Sassou Guesso Presidente da República do Congo e Presidente da Comissão do Clima da Bacia do Congo e do Fundo Azul para a Bacia do Congo;

-Excelência Paul Kagame, Presidente da República do Ruanda e Presidente em exercício da União Africana,

-Excelência Moussa Faki Mahamat, Presidente da Comissão da União Africana,

-Distintos Chefes de Estado e de Governo;

-Excelentíssimos Senhores Ministros;

-Ilustres convidados;

Minhas Senhoras, meus Senhores:




Começo por felicitar o Senhor Presidente Denis Sassou N’guesso, pela organização desta Cimeira em que nos debruçaremos sobre importantes temas relacionados com a Bacia do Congo e com outros ligados ao clima e ao ambiente nesta região de África.

Fazemos também uma referência especial à iniciativa da criação do Fundo Azul, cuja operacionalização se impõe para que os programas concebidos para a preservação do ambiente nesta região sejam efectivados.

Saúdo a inestimável contribuição que Sua Majestade o Rei de Marrocos, Mohammad VI, tem prestado aos esforços dos países que fazem parte da Bacia do Congo para a realização dos objectivos delineados pela nossa organização continental.

Quero sublinhar que o Governo da República de Angola, colocará todo o seu empenho na execução das grandes iniciativas concebidas pelos Estados membros da Comissão do Clima da Bacia do Congo, com especial enfase para as matérias ambientais que são transversais para África e para o mundo de uma maneira geral, de modo a criarem-se as bases para a construção de um desenvolvimento sustentável.

Tenhamos todos consciência, de que as questões do clima e do ambiente implicam um esforço concertado e conjugado dos Estados membros da Bacia do Congo e dos do resto do planeta, para que de forma coordenada se faça uma gestão responsável dos recursos naturais que são não apenas nosso património, mas de toda a humanidade, no geral.

A República de Angola tem se comprometido seriamente com o problema do clima e, em virtude disso, toma parte ativa nos grandes fóruns internacionais onde se discutem e se tomam decisões estratégicas fundamentais para a preservação do ambiente a nível global.

Neste contexto, e como ilustração das nossas preocupações, realço a Iniciativa Maiombe, à qual temos dedicado uma atenção muito especial pelo seu alcance e pelo que nos proporcionará em termos de protecção da fauna e da flora, assim como do equilíbrio do ecossistema.

Sua Majestade

Excelências

Relativamente ao Fundo Azul, gostaria de destacar que o meu país criou as condições necessárias para que o Ponto Focal realize o seu trabalho a nível nacional e, além disso, asseguramos também a contribuição financeira que se impõe para que o referido Fundo possa funcionar sem percalços.

Apelamos aos Estados membros para que façam um esforço no sentido de efectuarem as suas contribuições de modo a garantir-se a concretização plena dos objectivos do fundo.

Creio que a presença de tão ilustres Chefes de Estado nesta Cimeira, diz por si só, da importância e das preocupações que cada um de nós tem a respeito desta problemática.

Por isso, acredito que as decisões emanadas desta Cimeira, face a relevância que os temas ligados ao clima têm na agenda internacional, ajudarão a criar as condições necessárias para o funcionamento cabal da Comissão da Bacia do Congo e do Fundo Azul.

Quero terminar, agradecendo Sua Excelência o Presidente Sassou N’guesso, pelas Excelentes condições de trabalho que nos reservou neste magnifico Centro de Conferências, onde todo pessoal de apoio se tem esmerado para que a reunião seja um sucesso.

Muito obrigado pela atenção.

Brazzaville, aos 29 de Abril de 2018.